segunda-feira, maio 26, 2008

EVOLUÇÃO HISTÓRICA DO ROUBO

Imagem recebida por email


Tenho lido e "ouvisto" (ouvido e visto), várias versões sobre os 18 aumentos do preço dos combustíveis praticados este ano. A última foi que o preço do gasóleo está alto, porque a GALP, detentora de toda a indústria refinadora em Portugal (abaixo os monopólios!) não "refina" gasóleo suficiente e por isso tem que o importar. Igualmente, o preço da gasolina sobe porque tem que subsidiar o preço do gasóleo!

Quem é o estúpido aqui? O "economista de fraldas" à procura dum tacho, ou o pacato consumidor que sabe que as refinarias em Portugal, actualmente GALP, porque já tiveram outras designações, laboram há décadas e nunca se pôs o problema da escassez do gasóleo?

Estes "economistazinhos de caca" têm sempre explicação para tudo! Por isso é que este país está como está!

Estão em marcha, na Internet, vários apelos de boicote ao abastecimento na GALP, BP e REPSOL. Vamos a isso!

3 comentários:

carla m. disse...

Sifrónio, amigo,

bom momento pra começar a pensar em bicicletas não?!

Por cá, todo ano as tarifas do transporte público são reajustadas, de tal forma que hoje eu pago o dobro que a 6 anos atrás, e meus rendimentos continuam os mesmos... ou quase os mesmos.

tenho caminhado cada dia, o que também é saudável, mas nem sempre é possível.

é muito difícil boicotar completamente a indústria petrolífera...

Arnaldo Reis Trindade disse...

Infelizmente aqui no Brasil mais do que em muitos outros lugares né Carla?
é dificil boicotar a Indústria petrolífera, já que a principal matriz energética do mundo é o petróleo e derivados, inclusive aqui no Brasil, andar de biciletas talvez seja a melhor das idéias , mas teriamos de ter mais estacionamentos pra bicicletas, ciclovias e mais segurança para que podessemos assim fazer, hoje em alguns países e no caso uma cidade é bem boa pra servir de exemplo temos Paris,França onde cerca de 15.000 bicicletas estão espalhadas em estacionamentos na cidade toda e que podem ser alugadas por meia hora por 1 euro e onde temos também cerca de 300 km de ciclovias para a segurança de quem usa esse meio de transporte.

Abraço e boa sorte com o boicote.
pena que teriamos de boicotar quase tudo pra que as coisas tivessem o preço que deveriam ter.

Rato disse...

sifrónio, existem duas refinarias da GALP ( ou da GOLPE se preferires).
A do Norte funciona na produção de massa e óleos.
A do Sul está 'afinada' para produzir gasolinas.
Daí nas exportações aparecer que Portugal exporta combustíveis, principalmente para América do Bush.
Quando a refinaria começou a laborar esperava-se que o consumo de gasolina aumentasse o que não se veio a verificar, por culpa das mexidas na fiscalidade dos carros a gasóleo.
Daqui à necessidade de importar gasóleo não vai sequer um passo.
Quanto ao preço do gasóleo, ser quase idêntico ao da gasolina. Pessoalmente entendo que devia até ser superior.
Esta é uma oportunidade para pensarmos o paradigma da locomoção.
Infelizmente não somos nem noruegueses, nem suecos, nem finlandeses para nos prepararmos para a bagunça que aí vem. E esta vai ser da grossa.